Vídeolaparoscopia



Vídeolaparoscopia

A videolaparoscopia (ou laparoscopia) é uma cirurgia minimamente invasiva que tem como objetivo diagnosticar e tratar doenças que acometem a região abdominal ou pélvica. O procedimento é realizado sob anestesia geral e necessita de internação hospitalar, com tempo variável de acordo com a cirurgia realizada.

O laparoscópio é um instrumento que é introduzido na cavidade abdominal através de um corte pequeno de aproximadamente 2 cm. Na ponta deste instrumento existe uma câmera que reproduz as imagens do abdome ou da pelve em uma televisão. Geralmente são realizadas mais duas pequenas incisões por onde o cirurgião insere pinças especiais para facilitar a realização do procedimento.

As principais vantagens da cirurgia videolaparoscópica são:

Incisões (cortes) pequenas causam menos dor no pós operatório e melhor resultado estético. Menor tempo de internação hospitalar

Menor risco de infecção.

Recuperação pós operatória mais rápida e retorno precoce às atividades.

A videolaparoscopia pode ser realizada a fim de diagnosticar e tratar diversas patologias, benignas e malignas, dentre elas podemos citar:

  • Cálculo (pedra) na vesícula
  • Apendicite
  • Gestação ectópica (prenhez tubária)
  • Endometriose
  • Miomas uterinos e outras doenças do útero
  • Cisto ovariano e tumores ovarianos.
  • Tumores de cólon (intestino grosso) e reto
  • Tumores de esôfago e estômago
  • Tumores de pâncreas
  • Tumores renais e das glândulas suprarrenais
  • Doenças do fígado e baço